men e submen

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Como se portar no Altar (Aparência e comportamento)

Olá Pessoal!!!

A paz de Cristo a todos.

Como sempre começamos nossas postagens do mês vamos à nossa (tan, tan, tan, tan)...rsrs

Mensagem do mês: O altar é lugar de 3 coisas: entrega, sacrifício e aliança! (Pr. Gilvander)

Este mês estava sem ideia sobre o que postar, então retirei um tempinho para lembrar do que ocorreu no cotidiano do ministério de dança para que pudesse trazer algo que fosse real para mim e que eu pudesse opinar.

Então lembrei que estão entrando várias meninas novatas no ministério e que estão em fase de estágio (No estágio do nosso ministério as meninas vão aos ensaios, mas não dançam todos os cultos, elas dançam uma vez no mês. Isto porque neste período a gente observa o comportamento e passa orientações de como se portar no altar.).

Lembrando disto pensei em postar este mês sobre "Como se portar no altar".

A primeira vista parece um tema estranho, mas acredite é essencial passar este tipo de orientação para seu ministério.

Se portar no altar quando estamos dançando é uma questão de reverência e hoje vou falar sobre aparência no altar (roupas, maquiagens etc) e sobre comportamento (não dançar em pecado, com raiva etc.)

Primeiro vou falar sobre aparência. O líder do ministério deve prestar muita atenção em como seu ministério está subindo no altar para dançar, apesar de muitas vezes dançarmos na parte de baixo do altar considero-a como uma extensão do altar, sendo assim vejo que também estamos subindo no altar quando dançamos, além disto vejo que prestar atenção em sua aparência cabe a todo o CRISTÃO, e não só a quem sobe no altar, mas isso é assunto que penso em escrever em outro post =).

Voltando a falar sobre aparência, vejo que o objetivo da dança na igreja é diferente do objetivo da dança convencional, no momento do louvor estamos usando nosso corpo para adorar a Deus, por este motivo reverência e cuidados com nossa aparência é algo imprescindível.

Então no momento em que o ministério de dança sobe ao altar para ministrar é bom que se evite:

  • Roupas coladas e sensuais (Afinal não queremos fazer um show para mostrar nossos corpos, queremos adorar a Deus);
  • Acessórios grandes e chamativos tais como, colares, brincos, pulseiras (Afinal queremos que prestem atenção na dança e não em nossa aparência. Deixo claro que não estou falando dos acessórios das vestes e os usados nas ministrações);
  • Maquiagens extravagantes (A não ser que seja o intuito da mensagem que se queira passar, as vezes usamos maquiagens para representar o inimigo, os pecados, a impureza, mas não usamos maquiagem forte para ministrar nos louvores que não envolvem algum dos temas citados antes, deixando claro que não estou falando que é "pecado", não tem nada disso, a questão é somente não chamar atenção para aquilo que não achamos necessário, é como sempre digo para as meninas do grupo, nenhuma maquiagem fala mais do que uma expressão facial bem feita);
  • Danças sensuais (Isto é meio óbvio, mas não custa relembrar, sua dança não deve ser sensual chamando atenção para o seu corpo ela deve refletir a glória de Deus).
Depois de falado sobre aparência vou falar sobre comportamento, particularmente acho que o comportamento é tão importante quanto a aparência, neste sentido vejo que os dois caminham lado a lado. Não dançar em pecado, com sentimentos ruins, ou com qualquer coisa que impeça que sua adoração seja aceita por Deus é essencial para que flua uma adoração agradável aos olhos do pai.

A postura comportamental, a meu ver, excede os limites da igreja "Templo", pois afinal a igreja somos nós. (não estou dizendo que você não deva ir à sua igreja, só estou mencionando que o templo é você primeiramente, pois é em você que o espirito santo habita, ele não fica lá no templo quando você vai embora pra sua casa, ele vai com você!), aqui segue um versículo para exemplificar o que digo: "Ou não sabeis que o vosso corpo é templo do Espírito Santo, que habita em vós, o qual recebestes de Deus e que, por isso mesmo, já não vos pertenceis? 1º Corintios 6:19". Sendo assim um cristão deve ser luz por onde for e deve ser notado por ser imitador de Cristo, é isto que nós cristão não estamos fazendo com o devido afinco hoje. 

Um dia eu estava muito "rebelde", queria fazer "tudo", pois afinal "pensava eu", não foi Deus que me colocou no mundo, logo ele quer que eu viva nele e faça o que EU QUISER. Então um dia li um livro que me deixou muito edificada (não me recordo o nome do livro, mas me lembro desta passagem até hoje), o livro dizia assim "o que eu visto não determina quem eu sou, mas quem eu sou determina o que eu visto", meu coração ficou muito estarrecido quando li aquilo,pois pra mim aquelas palavras diziam mais do que estava escrito, elas me diziam que não tinha que ser como todo mundo porque estava no mundo,  elas me levaram a entender que eu deveria fazer a diferença e ser luz, pois era isto que eu "vestia" (ou deveria "vestir"): LUZ. Compreendendo isto ficou muito claro pra mim, a verdade é que: não somos seres terrenos tendo uma experiência espiritual, somos seres espirituais tendo uma experiência terrena.

Com esta minha experiência, o que eu quero trazer para nós que dançamos (e pra todos cristãos que estão lendo este texto) é: temos que fazer a diferença onde passamos, não podemos estar em pecado e depois ir dançar (ou fazer qualquer outra coisa pra Deus) como se nada tivesse ocorrido, temos que nos policiar para que a tentação não nos faça cair.

Então você LÍDER observe sua equipe, converse com ela e acima de tudo, não permita (até onde consegue ver e saber) que seu ministério suba no altar em pecado, pois Deus não se agrada desta adoração. 

E você MINISTRO DE DANÇA não suba no altar fazendo coisas que desagradem a Deus, pode ser que o seu líder não esteja vendo, mas Deus está vendo. 

Enfim, isto tudo que descrevi acima, como disse no início do texto, é uma opinião (embasada no que leio da bíblia e as aulas que tenho), você que está lendo pode discordar, respeitosamente é claro, pois é bom que vivamos em união um respeitando o outro.

Pra finalizar eu deixo dois versículos para a nossa meditação:

Quem tenta esconder os seus pecados não terá sucesso na vida, mas Deus tem misericórdia de quem confessa os seus pecados e os abandona. Provérbios 28:13

Deus é espírito, e é necessário que os seus adoradores o adorem em espírito e em verdade. João 4:24

Bom é isso pessoal, espero que tenham gostado!

Fiquem na paz do senhor Jesus e até o próximo post!!

6 comentários:

  1. ola a paz do Senhor!!!
    amei este blog ta me edificando muito estou aprendendo muito com cada postagens...
    sou a Colider do ministério de dança de minha igreja e esta me ajudando a como lidar em todas as areas nas ministrações :)
    estou planejando um culto de Dança as suas dicas estão sendo essenciais :)
    q Deus a abençoe !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola josi, a paz de Cristo!!

      Muito obrigada por visitar o blog, seu comentário me incentiva ainda mais a continuar!!!

      Sempre que tiver dúvidas ou idéias que quer saber pode mandar mais comentários que eu respondo =).

      Fique na paz do senhor jesus e volte sempre.

      Excluir
  2. Super amei seu Blog...de verdade me deu super ideias estou apaixonada..aprendendo muitas coisas rs que Deus continue te abençoando =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom amada!!

      Que o Senhor abençoe sua vida também, volte sempre!!!

      Excluir
  3. PAZ DO SENHOR Oi tudo bem quero perguntar uma coisa posso?quais os motivos de você dançar no altar do Senhor?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá A paz de Cristo!

      Acredito na dança como forma de adoração assim como diz em Salmos 150:4 “Louvem-no com tamborins e danças, louvem-no com instrumentos de cordas e com flautas.”.

      Não para aparecer, não para sensualizar, mas para honra e glória do Senhor Jesus!


      Altar para mim é todo lugar que vamos para dançar a Deus, não é um lugar específico, pois as vezes dançamos em praças e lugares diversos, logo o local que dançamos se torna um lugar de adoração, um lugar destinado a sacrifícios e ofertas a Deus, onde podemos render nós mesmos em sacrífico a Deus oferecendo a ele nossos dons.

      Por isso danço para Deus no altar... Espero ter sanado sua dúvida.

      Excluir